quinta-feira, 23 de março de 2017

Até parece, que sou Bruxo

Com o título (Considerados uma AMEAÇA)
Escrevia Eu na postagem em epígrafe, o seguinte:

Pela quantidade de visualizações, parece que estamos a ser “espiados” por americanos.
Avancei com duas hipóteses:
Ou era a CIA preocupada connosco, ou tínhamos sido descobertos só agora, por alguns ex-camaradas que por lá residem.

Descobri hoje que acertei em cheio na 2ª hipótese, ao ser surpreendido com uma chamada telefónica vinda daquelas bandas.

Trata-se do nosso 1º Cabo, Armando Miguel Bernardino que há mais de 40 anos vive nos Estados Unidos da América, a poucos quilómetros do Furriel Brito, “um artista que parece ter hibernado”.

O Bernardino, também conhecido pelo (Rio Maior) era do meu pelotão, de armas pesadas, mais precisamente: o homem da Breda.




Contou que só há pouco tempo fez uma pesquisa na net digitando o nosso Batalhão e a Nossa Companhia, descobrindo assim o nosso Blogue. Disse que recua no tempo revendo-se nalgumas histórias aqui contadas.

Confessou-me que: ainda guarda o isqueiro que na altura "por sermos fumadores" tantas vezes compartilhou comigo, para acendermos os cigarros com o Unimog em andamento.
“provavelmente digo eu; um isqueiro que mais parecia um lança-chamas”.

Contou uma situação caricata que aconteceu quando fomos para as matas dos Dembos, no momento em que fomos atacados na chegada ao Fortim no rio Dange. Como a coluna não parava e há bastante tempo ia à rasquinha para aliviar a bexiga, aproveitou o incidente para saltar do Unimog, agarrando de imediato a sua arma secreta para se aliviar. Os turras que esperassem. 

Pensando bem, parece-me agora, que deve ter infrigido algum artgº do RDM porque confessa, sacou da “pistola” ligeira , e deve ter deixado a sua arma pesada no suporte do Unimog.
Iremos ser esclarecidos, quando esmiuçar a história


Não serão muitos os que se podem gabar, de terem mijado “fazendo desenhos talvez” ao som de balas a sobrevoar-lhes a cabeça.
(Sempre ouvi dizer, que para ajudar ao facto, o melhor era o som de água a correr)

O nosso Amigo Bernardino, vai enviar-nos algumas das suas histórias (estas e outras em pormenor) para que todos nós as possamos reviver.

Já tem conhecimento da nossa próxima Confraternização e lamenta não poder estar presente uma vez mais. Na data marcada, estará na Flórida passando umas férias programadas com os seus. No entanto disse que para o ano por esta altura, estará em Portugal. Espera assim, não faltar ao próximo.

Pedi que envie duas ou três fotos do antigamente e de agora, para que o possamos descobrir entre tantos, caso não traga uma flor na lapela. Em relação ao cabelo, sei que não é careca porém grisalho
.
APARECE pois ÉS  BENVINDO


Sem comentários:

Enviar um comentário